sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Parece fácil Falar...




Parece fácil falar...
Quando o que se viveu em nada é semelhante...
Em nada se pode comparar...
Mas aquilo que se viveu...Foi o que se mereceu...
Nada mais nada menos...Aqui Dúvidas não pode haver...
Foi o que foi e o que tinha de ser...
A algumas pessoas na minha Vida o carinho e o Amor que sempre me demonstraram posso Agradecer...
E a Quem me Tornou Guerreira...
A esses sem dúvida expresso Gratidão...
Porque sem esses seria só Uma Vã iludida....
Alguém sonhando apenas que a Vida que é Vivida é cheia de Flores e Florzinhas...
Assim Sendo quem SOU e Quem não Pretendo Deixar de Ser...
Fico com Aqueles que comigo querem Ficar...
Com Aqueles que Fazem por me Merecer!!!
Sou Amiga e sempre o Soube ser ainda que a Retribuição fosse a Ingratidão....
Mas aí há que corrigir o que são as minhas Lutas e o que pertence a outrém...
Hoje vejo com a Visão de quem sabe que mesmo Continuando a Lutar é a mim que devo Amar...
Devo ser EU a minha Prioridade...
Apenas as minhas Lutas devo de Travar...Pois nas minhas Guerras os Guerreiros por quem estava disposta a Lutar fogem ao primeiro eco de que díficil a Luta se vai tornar...
Tenho de Aprender, de uma vez por todas, a Viver neste Mundo de Seres Egoístas...
E a NÃO Dar de Mim...a Quem não SABE DAR!

In My Life



there are places i remember all
my life though some have changed
some forever not for better
some have have gone....and some remain

Dave Matthews

You Never Know



Sitting still as stone
watching, watching
people walking by
wondering why
no one ever stops to talk
or thinks about what if they ever did

What if God shuffled by
one day we might see
we're doing not a thing
like breathing just to breathe
we might find some reason

But rushing around seems whats wrong with the world
don't lose the dreams inside your head
they'll only be there til' you're dead
dream

Lying on the roof
counting
the stars that fill the sky
I wonder is
someone in the heavens looking back down on me
I'll never know

So much space to believe
funny when you're small
how the moon follows the car
there's no one but you see
hey the moon is chasing me

and I worried if I looked away she'd be gone
don't lose the dreams inside your head
they'll only be there til' you're dead
dream

Oh oh oh
walking through the wood
no cares in the world
the world
she's come to play
she's all mine just for a day

There's not a moment to lose in the game
don't let the troubles in your head
steal too much time, you'll soon be dead
so play

all fall down
it won't be so long now
out of the darkness
comes light like a flash
you think you can
you think you can
sometimes that is the problem
dream little darling, dream

Spinning on the wind
the leaf fell from the limb
and everyday should be a good day to die
all fall down
it won't be too long now
every fire dies out
I find it hard to explain
how I've got here
I think I can
I think I can
then again I will falter
dream, oh I think I can I think I can
I think I can
dream little darling, dream

Spinning on the wind
the leaf fell from the limb

Dave Matthews Band ~

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Queria...Oh como Queria...

....


Queria....Oh como queria...Como Quis Acreditar...

Hoje queria Esquecer...

As tantas lágrimas que derramei por não saber seguir em frente...

Por continuadamente me fazer mal...

Por ser sempre Eu a voltar...

Pisar constante e sistemáticamente o meu Orgulho...

Enxovalhar o meu Nome...em nome do que não Existe....

Quando para os Outros é tão simples...

Seguir...Esquecer...Não pensar e não sofrer...

Qual o caminho para confiar em que me Trai...?

Em quem me usa e de mim Abusa?

Em quem descobrindo as minhas fraquezas as Usa para me magoar...?

Em quem não me compreende...e procura Outros para falar porque a mim não consegue Chegar?....

Só queria que deixasse de Doer!!!

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

...Talvez

Ainda pior que a convicção do não...
É a incerteza do talvez...
É a desilusão de um quase!
É o quase que me incomoda que me entristece, me mata ...
Trazendo tudo que poderia ter sido ...e não foi...
Sarah Westphal

Paradise



When she was just a girl
She expected the world
But it flew away from her reach
So she ran away in her sleep

And dreamed of para-para-paradise
Para-para-paradisePara-para-paradise
Every time she closed her eyes
Ooohh

When she was just a girl
She expected the world
But it flew away from her reach
And the bullets catch in her teeth

Life goes on It gets so heavy
The wheel breaks the butterfly
Every tear, a waterfallIn the night, the stormy night
She'll close her eyesIn the night
The stormy night
Away she'd fly

And dreams of para-para-paradise
Para-para-paradise Para-para-paradise
Whoa-oh-oh oh-oooh oh-oh-oh

She'd dream of para-para-paradise Para-para-paradise Para-para-paradise
Whoa-oh-oh oh-oooh oh-oh-oh
La-la-la-la-la

And so lying underneath those stormy skies
She'd say oh-oh-oh-oh-oh-oh
I know the sun must set to rise

Coldplay

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Ciúme


Normal...Sentir?
Muito arreliante de experienciar...
Ok...Simples de Curar...
Muito simples de Largar...

O que é Hoje...Outrora não foi...e o que Será...ninguém sabe dizer...ou Saberá....???

Questões de quem vive à frente do que deve de Viver...
Porque na dúvida não pagar para ver...
O Remédio está no que há ou não a temer...
E a chama que provoca a Vivência do que se quer...
Balança ante o que Incendeia o Ser...

…Quem não Cuida permite que cuidem...

E não falta quem queira Cuidar...
O que para um Lado balança....Para outro pode Tombar...
De nada valem cenas e filmes a realizar...
Calar...Silenciar o que não há a dizer...Muito há para Escutar...

E de nada serve falar...

Graduação Obtida não deixa Margem...
Lição Aprendida a não Ser Esquecida...

Que se Viva a VIDA que as Memórias Mostram que a Vida não Pode ser Parada e de pouco serve trancar o que Solto se deve de Achar...

sábado, 10 de dezembro de 2011

Medo


Parece muito fácil às pessoas que me rodeiam dizer que tenho Medo...
Parece facílimo constactá-lo....
Mas o que a mim me deixa curiosa é constactármos sem bases para contrariar o pensamento...
Eu continuo à espera de Bons argumentos que me permitam ver a Vida com os Olhos dos Outros...
Algo que me diga que não existe Lugar ao Medo...
Que o que não permito é permitido porque as consequências que temo não vão acontecer...
Porque será Diferente...
E como queria Acreditar nisso...
Ter estrutura para me permitir Acreditar e Sonhar....
....Mas isso exige trabalho e esforço para Mudar....
Um Dia Chego lá....

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Nata..Lis



Eu poderia dizer que este tinha sido um estupendo fim-de-semana...
Mas parece-me tão pouco...
Tão diminuto face ao que sinto...
Poderia dizer que me Senti Tão Quente perto de Ti...
Mas ainda assim acho que não chegaria para descrever o calor que sinto na Alma...
Como descrever-te o que é passear agarrada...Prespegada (não vou verificar se o termo existe!) a ti...
Tudo é Pouco...Pequeno...
Não encontro palavras...
Frases que descrevam o que vejo...o Que sinto...
O Meu Chewie que hoje vela pelo meu sono não materializa o que quero dizer...
E o Dragão que deixei a Velar por ti tão pouco...
Só posso agradecer ao Caminho que nos fez Cruzar...
À Placa que ainda que mal colocada nos fez um no outro tropeçar....
E seja para Sempre ou enquanto Durar...
Gosto muito de Ti Gostar....;)

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Sublime




...Será dizer pouco de uma noite tão mágica...
De um aroma tão doce que quase se sente o açucar cristalizar...
Saltam pequenos sons no ar...
Quando a Água toca os elementos que se deixam banhar...
E enquanto te vejo e te sinto lá onde deves de estar...
Sinto-me viajar...
Perco noção de mim...
Esqueço-me de Respirar...
Ahhhh como queria para sempre aqui ficar...
Como o desejei...
Como ansiei...
Como quis e pedi...
Tantas vezes roguei...
Adormecer nos teus Braços...
E com um beijo teu no planeta dos sonhos entrar...
Sabendo que é ao teu lado que vou acordar...
É...
Sem dúvida SUBLIME....

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Breaking the Habit




Memories consume like opening the wounds
I'm picking me apart again
You all assume
I'm safe here in my room
Unless I try to start again
I don't want to be the one the battles always choose
'cause inside I realize that I'm the one confused

I don't know what's worth fighting for
Or why I have to scream
I don't know why I instigate
And say what I don't mean
I don't know how I got this way
I know it's not alright
So I'm breaking the habit
I'm breaking the habit tonight

Clutching my cure
I tightly lock the door
I try to catch my breath again
I hurt much more than any time before
I have no options left again
I don't want to be the one the battles always choose
'cause inside I realize that I'm the one confused

I don't know what's worth fighting for
Or why I have to scream
I don't know why I instigate
And say what I don't mean
I don't know how I got this way
I'll never be alright
So I'm breaking the habit
I'm breaking the habit tonight

I'll paint it on the walls
'cause I'm the one at fault
I'll never fight again
And this is how it ends

I don't know what's worth fighting for
Or why I have to scream
But now I have some clarity to show you what I mean
I don't know how I got this way
I'll never be alright
So I'm breaking the habit
I'm breaking the habit
I'm breaking the habit tonight

Linkin Park

domingo, 27 de novembro de 2011

....E mais....

E cada Palavra uma nova Mentira...
E a Cada Frase uma nova Ilusão...
Não nasci ontem e sei como é o Mundo...
Bonito e Belo para quem assim nele cresceu...
Do meu fazem Parte Ratos e Ratazanas...
Enganos e Más interpretações...
Mágoas...Sofrimentos causados e não Partilhados...
Ilusões destruídas sem apelo nem agravo...
Sem misericórdia ou piedade...
Porque Ontem foi mas hoje já não é...
Porque não foi nada de mais mas hoje já foi...
Porque uma frase afinal é uma conversa e uma mensagem afinal já deu para tanto...
Nunca me engano...
Deixo-me enganar enquanto não Abro os Olhos para Ver...
É Hora de Acordar...
Quem me manda a mim andar a Dormir e Voltar a Acreditar...
Como se não soubesse já que o que qualquer Ser Humano melhor Faz é ENGANAR!!!!!

Inhale



Come one and all and see the broken man,

Talking to himself
He sits and waits for something better,
He'll never find it here
The people touch his hair
And pinch his cheek, he can't even feel it
There it goes again, he's listening to someone
He hears the bitter laughter
And all he wants to know is
[Chorus]
Why, does any of it matter? (I can't take it anymore)
You've gotta try, the inhale that makes the exhale so much better
He wipes his hands on anything in reach,
He never feels clean
He shakes at night because his nerve is gone,
Every muscle hurts
Come one and all and see what happened,
That broken man is me
There it goes again, I can hear it louder
It doesn't feel good anymore
All I want to know is
[Chorus]
Now I know I disappear
I can't find my way from out of here
Everything is fading on me
Someone tell me
Someone tell me
Someone tell me
[Chorus]
Why? You've gotta try

STONE SOUR

The End


What were all those dreams we shared
Those many years ago?
What were all those plans we made
Now left beside the road?
Behind us in the road
More than friends I always pledged
Cause friends they come and go
People change as does everything
I wanted to grow old
Just want to grow old
Slide on next to me
I'm just a human being
I will take the blame
Bust just the same
This is not me
You see
Believe
I'm better than this
Don't leave me so cold
Or buried beneath the stones
I just want to hold on
And know I'm worth your love
Enough
I don't think
There's such a thing
It's my fault, Now I been caught
A sickness in my bones
How it pains to leave you here
With the kids on your own
Just don't let me go
Help me see myself
Cause I can no longer tell
Looking out from the inside of
The bottom of a wellI yell
It's hell
But no one hears
Before I disappear
Whisper in my ear
Give me something to echo
In my unknown futures ear
My dear
The End Comes near
I'm here
But not much longer

PEARL JAM

...És tu quem tem De Saber...

Palavras sábias de quem ainda não Viveu tantos anos como Eu...
Algo que nunca me fez sobrestimar alguém...
E sim...eu sei que tenho fazer opções e que tenho uma tendência para as fazer erradamente...
Eu escolhi ficar quando também não achava correcto...Julgo hoje quando não queria ser julgada...
Não posso criticar porque não quero ser Criticada no entando sou eu quem tem sempre um dedo levantado...
Sou eu que aponto e inúmero...
Que julgo e condeno...
Aos outros exijo bastante menos do que a mim...
Mas o que dou e faço nunca são suficientes...
Dizem-me: Tens de aprender a deixar que os outros Gostem de Ti...Que sejam para Ti...Que façam coisas por Ti...Tens de os deixar senão não vais saber apreciar ou não...."
Não posso fazê-lo...Se o fizer posso-me habituar e quando me faltar depois não sei viver...
Já foram muitas as vezes que pedi o Amor de alguém...
Muitas as vezes em que achei que não o merecia...
Mas ninguém me pode dar o que não me sei Dar a mim...
Por isso os outros não Falham...Sou eu que lhes permito Falhar....
Consequentemente sou Eu quem Tem se Saber até onde Estou disposta a DAR...
E eu estou cansada, sim...Cansada do que os Outros no Final tem para me Retribuir...

Porque há sempre uma Escolha

...Mensagens que podem despoletar no nosso cérebro memórias antigas...
Coisas com as quais nunca aprendemos a lidar...
Poderíamos aprender...Mas como diz alguém...Dá muito trabalho Mudar...
Sou a primeira a julgar-me....A Atacar-me...
Não deixo que ninguém o faça por mim...
A veia de sofrimento que carrego é a mesma que me alimenta...
Deve ser algo de Berço...
Mas parece fácil os outros dizerem que vale a pena arriscar mais sofrimento...
Aqueles que não conhecem a Dor do Abandono...
A Insuportável dor de querer e não Poder ter...
O Lutar sempre pelo Amor dos Outros e achar sempre que o Bom não é para Nós...
Acredite que o viveu...Porque quem não sabe não é capaz de imaginar...
Existe sempre uma Escolha...Cabe a cada um de nós Escolher...

sábado, 12 de novembro de 2011

Sem palavras...


Não tenho Palavras para expressar o que senti ao entrar...
...Tão pouco desconfiei quando disseste vai entrando que tenho de ir ali...
Abri a Porta e de repente até o Coração me Parou...
O Hall à Luz das Velas...
Os Post-It`s com aquelas Frases de Amor que pesquisaste e Transcreveste para mim...
Sentir os teus passos atrás de mim...
Mas estarrecida de tal forma que nem me consegui mexer...
Imóvel...
Sem palavras porque NUNCA ninguém me Tinha Feito Tal...
Porque Nunca ninguém me Havia Dado o que me Dás...
...E contigo já perto de mim...
Abrir a Porta do Quarto...
Não tenho mesmo Palavras...Queria muito saber agradecer-te...
Ter dito algo que expressasse o Sentimento que de repente me Enchia a Alma...e Me "Pregava" ao Chão...
A Rosa na Almofada...
A Música perfeita que o Universo colocou a Tocar na Rádio expressa um pouco melhor o que te Quero Dizer...
E tantas Vezes a Ouvi a Pensar em Ti...

"Home"

"I'm going to the place where love
And feeling good don't ever cost a thing.
And the pain you feel's a different kind of pain.

Well I'm going home,
Back to the place where I belong,
And where your love has always been enough for me.
I'm not running from.
No, I think you got me all wrong.
I don't regret this life I chose for me.
But these places and these faces are getting old,
So I'm going home.
Well I'm going home.
(...)love remains true.
And I don't know why.
You always seem to give me another try.

Be careful what you wish for,
'Cause you just might get it all.
You just might get it all,
And then some you don't want.
Be careful what you wish for,
'Cause you just might get it all.
You just might get it all, yeah.....And where your love has always been enough for me"

Daughtry

domingo, 23 de outubro de 2011

Captar a Essência de Ti...

...Captei o que dizias não Existir...
Um Olhar que mostrava um "Coração" que precisa de muito Amor para subsístir...
E insístias, já nessa altura que o melhor estava por Vir e que no final partilharíamos o que até lá viveríamos...
Podemos ainda construír um Futuro melhor que o Presente se não esquecermos o "Passado"...
Fizemos como queríamos...
E Vivemos um Pecado...
Hoje o que os Outros em nós vêem não mais do que aquilo que espelhamos quando nos olhamos...
Nos Tocamos...
A certeza de que foi um Longo Caminho que ambos percorremos para aqui chegar...
E que é Aqui que queremos estar...
Não te Escolhi para a Minha Luz Espelhar...
Mas foi a Ti que a minha Estrada me fez chegar...
E se um dia tiver de Partír e outro rumo Tomar...
Te garanto que de te todas as Lembranças que quero conservar...
Aquela que nunca vou Esquecer...
É a Essência que se vê na Ternura do teu Olhar...

domingo, 16 de outubro de 2011

Lamechices, Paneleirices e Mariquices...

Quem não gosta que o Negue publicamente....
Porque os Maiores e mais Duros "Tombam" perante o Amor sem perder Batalhas...
Entrando em Guerras ainda que com medo de as Perder...
E Porque no Amor e na Guerra vale Tudo e O vulgar mais não é que a falta de mais para expressar o que não se consegue elaborar...
Benvindas as "Tuas Armas" que me fazem a Paz querer Declarar!





(é amarelo e com uma Grande Língua...Tonto mas adorável!!!;)

Loving You Tonight



Podia dizer tantas coisas que descrevessem este último mês...
Mas teriam as palavras alguma força perante o que sinto quando te olho nos olhos?
Poderia alguma frase elaborada descrever o que não consigo "pensar" mas que sinto com a intensidade de um vulcão?
Como justificar um sentimento tão antigo e tão novo?
Como dizer-te que a Felicidade que sempre ansiei chegou?
Que foi por ti que esperei....
Que "cair" nos teus braços é um acto de entrega e plenitude que julgava não ser capaz de fazer e ter?
Que resisto, quando posso, a não quer...
Mas que não vejo a hora de te abraçar, beijar...Puxar-te para mim quando a mim já estás colado...
Sentir a tua mão procurar a minha quando ambas já estão entrelaçadas sem que conscientemente o tenhamos feito...
Mas as palavras não parecem ter Força ou Intensidade para descrever o que pretendo dizer...



 Andrew Allen

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

...Quase que consigo sentir

Quase que consigo sentir...
Que a noite com o céu Iluminado não tarda a terminar...
Que um Novo Dia amanhece...
E que da janela mal fechada ouvem-se os ramos que crescem tentando vingar num espaço a definir...Ainda por encontrar...
Acordar com o teu Olhar...Sentir na Tua Voz que as palavras que dizes tem Finalmente Sentimento...
Pensar...Se é que a esta hora já o consigo fazer...
Que tantas foram as vezes que sonhei ver esse Olhar...
Ouvir essas Palavras...
Ver Esse Rosto Iluminado como uma manhã sem céu nublado...
Imaginar mil coisas e ainda assim...
Procurar um sentido que não parece haver para Explicar o que estou a Ver...
"Na Guerra e No Amor Tudo é Válido..." disseste certa vez...
E nesse dia que era de Aniversário para alguns quase consegui ver o que tentavas expressar...
Mas os cascos que tinha por estrear fizeram-te recuar tal não é capacidade que temos de nos magoar...
Se alguma vez imaginei a situação...
Garanto-te que, Nunca em momento algum, pudesse quase sentir...O Teu Coração.... 

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

O Amor é Mágico???




Não dei por começar
mas aconteceu
como da primeira vez
baby isto sou eu (sou eu)
era só olhar
batia perfeito
jaz como o mar
como tar sem jeito
tentei mudar-te um pouco
mas agora sei
que não devia
tentei mostrar-te o louco
que sou por ti
desde esse dia
oooh oooh
não me deixes mais
nesta situação
quero tar contigo
p'ra ter a noção
e o amor é rápido (yeeeah)
sádico (uuuh)
às vezes é trágico (yeeeah)
mágico
é má-gi-co (x8)
podia dizer
que fiquei sem chão
e o que tu me deste
foi uma lição
acredito ter
aquilo que queres
mas depois de teres
aí não desesperes
tentei mudar-te um pouco
mas agora sei
que não devia
tentei mostrar-te o louco
que sou por ti
desde esse dia
oooh oooh
não me deixes mais nesta situação
quero tar contigo
pra ter a noção
e o amor é rápido (yeeeah)
sádico (uuuh)
às vezes é trágico (yeeeah)
mágico
é má-gi-co (x8)
yo
é de loucos o que sinto por ti
sinto falta de ti
desejava tanto que 'tivesses aqui
e me desses o devido valor
porque acredito que a vida não é nada sem amor
não, sei que não sou perfeito
nem nada que se pareça mas eu respeito
o que vai na tua cabeça
que te gramo, que te adoro, que te amo
que te quero, que te venero, que te sinto, que te espero.
não me deixes mais nesta posição
nada é em vão tudo tem a sua explicação
e eu sei a minha
quando te vejo, falo, toco,
arrepio na espinha
e agora vai ser tudo de bom
quero ver a tua cara quando ouvires este som
ah e vou tentar ser mais coração mole
vou ligar-te para irmos ver o pôr do sol
e o amor é rápido
sádico
às vezes é trágico
mágico
é má-gi-co (x8)
é rápido
é má-gi-co

Expensive Soul (Festas da Moita 2011)

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Destituída


...Foi assim que me senti de todos os "cargos" por mim desempenhados...
Foi assim a modos que...
Nem vou explicar porque não há como...
Mas dizes que afinal não é assim...
Que te estão a chamar, mas não disseste que ias desligar...
Que te escondi durante tanto tempo e quando te comecei a revelar...
Apareces Outro...
Um que não Conheço...
Um que Nunca conheci...
Dizes-me que tens pensado...
E que afinal talvez seja Sim...
Dizes que estás inebriado...
E justificas dessa forma o que não queres dizer,
Mas que a tua boca já não consegue conter...
Não sei o que dizer...
Mas quando te pergunto o que queres fazer...
A resposta por ti parece Responder...
...E carrego na tecla...Agora sim...
Zonza...e sem querer acreditar em metade do que Ouvi...
Só pode ser o cansaço da semana a fazer-me Delirar...
...Não posso...É o MEU CAMINHO...como me podes fazer desviar???.....

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

You All Say...

Ás vezes Sentir o que sentimos não parece ser o Suficiente...
Ás vezes Gostar só não parece suficiente...
E lidar com o que não conseguimos Remediar parece quase cruzar o Limiar da crueldade...
As lágrimas que saltam em catadupa...
Para uns Expressão de Sentimentos que meras Palavras não conseguem expressar...
Para outros Sinais de Fraqueza...
In one Thing you`re "All" right...
And i found it years ago...
Judge me when you`ll walk the same road that i left behind years ago...
Até lá que as minhas Lágrimas mostrem apenas o que quiserem ver...
Porque nessa Estrada...
Os Calhaus empilhados que lá encontrarem...
Máquina nenhuma os empilhou...
E as mãos arranjadas que hoje se mostram, com ou sem ajuda lá os colocaram....

sábado, 10 de setembro de 2011

Em noite de..Festa...

Numa noite que seria de Festa...
Numa noite em que sabia que algumas pessoas iriam cruzar o meu caminho...
A minha mente estava Longe....
A Km`s de distância...
Uma viagem que corria bem...
Uma Equipa que ao semi-destino chegava...
Tudo estava bem...e o meu coração apertava...
Algo de errado se passava...
Dizes que tenha calma...que tu "estás"...
E que lá "chegarás"...
No meio da Multidão quem não chamei aparece...
Mas não me surpreende tal visão...
Se outrora o meu peito de ansiedade nesse momento dispararia...
Hoje, e porque assim foi pretendido...
Trata-se apenas de um rápido vislumbre de algo que não Foi, não é...E nunca teria Sido...
À realidade de novo sou chamada...
A noite vai ser Longa sem te saber em segurança...
E o que dizes para me acalmar em nada me descansa...
A expressão que todos questionam e o sorriso que tento esboçar...
São sinais de que a noite vai ser Longa...e Longe de Ti tenho de Estar....
Reprimo como posso esse sentimento que me domina...
Como queria perto de ti estar...Apenas para te abraçar....
E Som Sobe e o movimento ainda tenta embalar-me...
Mas de nada adianta ao Universo pedir...
O Destino está traçado e pela manhã é-me dito...
Que o Regresso é previsto....e que não pode ser feito para o "mal remediar"...
Peço então à Padroeira que por favor te acompanhe...
E que estando o "Mal" já feito, te permita "respirar"....
Apelo aos "Meus" Santos...Para que os Santos...Encontrem o caminho de casa..Sem mais demoras que os possa "Atrasar"...

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Incontrolável....

Incontrolável a sensação de que não controlo a minha mente...
Num tão curto espaço de tempo...
O Bom e o Mau fazes-me ver...
E o que digo não controlo...A voz começa a falhar...
Faltam minutos será que não consegues ver que os meus sentidos estão a ficar entorpecidos pelo tempo depressa demais estar a passar...
Entro num fuso que não consigo controlar...
Que efeito me permito ter quando à muito sei exactamente o que fazer...
Saíu a correr....
Mas Tens razão e recorro ao meu mais bem treinado mecanismo para a situação resolver...
Cais em ti e vês que o que fizeste a minha pior reacção provocou...
Agora é hora de decisão...
Vamos ver o que a maioria irá escolher...
Porque não te "prendo" mais...o Teu Caminho não quero atrapalhar...
Dizes-me o que queres...E Quem queres e nos teus olhos evito Olhar...
Não tenho esses dois Lados de que tanto gosto de Falar...
E ao final do dia...
Quando a tempestade parece amaínar...
Nos teus braços com a ternura com que me envolvem  consigo perceber...
Que o Mundo é grande...
Mas que não se consegue perder o que parece ao nosso encontro vir...
Deixo-me Ir...e nesse momento...Contemplo o que Ambos "fingimos" não ver....

sábado, 27 de agosto de 2011

Até os Bárbaros podem Sentir...




A Barbaridade que cada um tem dentro de si revela-se muitas vezes em ocasiões menos próprias...
Ainda assim ninguém consegue ser sempre Bárbaro...
Existem ocasiões em que uma palavra pode trazer ao de cima um lado menos combatente...
Existem Avisos que nos lembram que algumas pessoas não estarão para Sempre...
E que o Amor que lhes damos pode fazer toda a diferença entre o Hoje e o Para Sempre...
Decisões que não precisam de ser Tomadas...
Porque a seu Tempo...Aquele que tantas vezes é Inimigo...
Tudo se revelará...
Tudo se tornará Claro...
Certezas sentidas e provadas que nos fazem aproveitar um bocadinho mais a Vida...
Atitudes que nos enternecem...
Até um Guerreiro precisa de Açucar para repôr energias...
Uns mais que Outros!
E sentir...Sentir que cada bocadinho é um Bocadinho a aproveitar...
Encher o peito de ar...e Mergulhar...
Num Oceano que é Grande...que Separa mas Também Une...
Podemos pousar as Espadas e aproveitar a "Viagem"...

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Time After Time



Time After Time
Lying in my bed
I hear the clock tick and think of you
Caught up in circles
Confusion is nothing new
Flash back warm night, almost left behind
Suitcase of memories
Time after
Sometime you pictured me
I'm walking too far ahead
You're calling to meI can't hear what you've said
Then you said, "Go slow, I fall behind"
The second hand unwinds
CHORUS:If you're lost you can look
And you will find me, time after time
If you fall I will catch youI'll be waiting, time after time
If you're lost you can lookAnd you will find me, time after time
If you fall I will catch you
I'll be waiting, time after time
After my picture fades
And darkness has turned to grey
Watching through windows
You're wondering if I'm OK
Secrets stolen from deep inside
The drum beats out of time
CHORUS:
You said, "Go slow, I fall behind"
The second hand unwinds
CHORUS:
Time after time ...

Cyndi Lauper

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Jar Of Hearts




I know I can't take one more step towards you

Cause all that's waiting is regret
Don't you know I'm not your ghost anymore
You lost the love I loved the most

I learned to live, half alive
And now you want me one more time
And who do you think you are?

Running 'round leaving scars
Collecting your jar of hearts
And tearing love apart

You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul
So don't come back for me

Who do you think you are?

I hear you're asking all around
If I am anywhere to be found
But I have grown too strong

To ever fall back in your arms

I've learned to live, half alive

And now you want me one more time
And who do you think you are?

Running 'round leaving scars
Collecting your jar of hearts
And tearing love apart
You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul

So don't come back for me

Who do you think you are?

Dear, it took so long just to feel alright
Remember how to put back the light in my eyes
I wish I had missed the first time that we kissed
Cause you broke all your promises

And now you're back
You don't get to get me back

And who do you think you are?
Running around leaving scars
Collecting your jar of hearts
And tearing love apart

You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul
So don't come back for me

Don't come back at all

(x2)

Who do you think you are?
Who do you think you are?
Who do you think you are?

(um rascunho de 05-07-11 que hoje faz sentido publicar!)

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Partidas


O mês começa com Partidas...
Eles vão..
Nem se cruzam...
E Todos levam Parte do meu Coração...
Esse Grande Elemento que rege as minhas acções...
Que me faz tropeçar em tentações...
Mas que me rege...e a quem não escuto com medo de Ouvir...
Enquanto a chuva cai, sinto o toque da sentida despedida...
Mas há que ficar e deixar ir que tem onde chegar...
A Posse mais não é que a minha maneira de Vos dizer...
Gosto de Vocês não vos quero "perder"....
E estarem onde a minha vista não alcança é algo que me faz temer que para mim não voltem...
Que não vos torne a ver!
Mas as saudades só me mostram o quanto com vocês ainda quero Viver...
E enternecida porque não sou fingida...
Digo a todos até já e Vivam as novas Tecnologias..

domingo, 31 de julho de 2011

Que Final do Mês Espantoso

A vida dá-nos Tréguas quando lhe sabemos pedir...
Esperei e ansiei por este fim-de-semana, tanto, tanto que chegava a doer!
Tinha planos para tornar estes dois dias nos melhores dos últimos tempos...
Não Foram...
Foram além das minhas espectativas...
Ter o meu Mano por perto fez-me ver que o Tempo, a Distância são tão relativos...
Não pesam quando não tem de pesar...
Esta proximidade de alguém que sempre julguei Longe fez perceber que a Distância é o queremos "ser"...
Poucas horas de Sono, mas muitas gargalhadas...
Vivências partilhadas e Paixões Reavivadas...
Intimidades assimiladas e momentos que aquecem o coração...
Tudo o que esperava e Mais...
Tudo o que Precisava e Merecia...
E se no arranque atrasada cheguei...Ups...o Raio da Regra no final não Quebrei...Desculpaaaaaaa! ;p
Mas foi Mais...Tanto mais...
Que quero MAIS...
Teremos Mais!

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Estrelas Cadentes


E ao Ler que pediste por mim...
Saber que Existe um Outro alguém que Ora por Mim...
Como é reconfortante saber-te aí...
Saber que nem a distância nem os anos nos separaram...
Que há sempre um Alguém por aqui...
E ainda que os Km`s nos Separem...
Nada pode separar o que uma Irmandade tende a Juntar....
Grata Maninho pela Tua Presença...
Pelo teu Amor....Pelas Tuas Orações....;)

Pode uma Urtiga ser uma Flor?


Pode uma Urtiga abdicar dos seus espinhos?
Deixar-se Tocar sem causar dor?
Pode ser Considerada uma Flor?
Será possível responder sem o que vem deixar antever?
Pode a Relva ser mais Verde ou menos molhada?
Pode a Luz não Iluminar a Estrada?
Respondendo sem Saber...
A parede empedrada não se viu amparada...
E quando do Mar veiu uma rajada...
Com frio e arrepiada...
A Parede já falada não quis deixar por dizer...
Que mesmo na amurada se pode sentir uma leve Brisa de Mar regada!
Urtiga é flor que requer cuidados...
Que cresce desamparada....
E que um Tudo sabe transformar em Nada...

quinta-feira, 21 de julho de 2011

I need some sleep



I need some sleep


It can't go on like this

I tried counting sheep

But there's one I always miss

Everyone says I'm getting down too low

Everyone says you just gotta let it go

You just gotta let it go

You just gotta let it go
I need some sleep

Time to put the old horse down

I'm in too deep

And the wheels keep spinning 'round

Everyone says I'm getting' down too low

Everyone says you just gotta let it go

You just gotta let it go

You just gotta let it go
You just gotta let it go


Eels -

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Through Glass




I'm looking at you through the glass

Don't know how much time has passed
Oh God it feels like forever
But no one ever tells you that forever
Feels like home, sitting all alone inside your head

How do you feel? That is the question
But I forget... you don't expect an easy answer

When something like a soul becomes
Initialized and folded up like paper dolls and little notes
You cant expect to bitter folks
And while you're outside looking in
Describing what you see

Remember what you're staring at is me
Cause I'm looking at you through the glass
Don't know how much time has passed

All I know is that it feels like forever
When no one ever tells you that forever
Feels like home, sitting all alone inside your head

How much is real? So much to question

An epidemic of the mannequins
Contaminating everything
When thought came from the heart
It never did right from the start

Just listen to the noises
(Null and void instead of voices)
Before you tell yourself


It's just a different scene


Remember it's just different from what you've seen

I'm looking at you through the glass
Don't know how much time has passed
And all I know is that it feels like forever
When no one ever tells you that forever
Feels like home, sitting all alone inside your head


Cause I'm looking at you through the glass
Don't know how much time has passed
All I know is that it feels like forever

When no one ever tells you that forever

Feels like home, sitting all alone inside your head

And it's the staaars
The staaaaaaars
That shine for you
And it's the staaaaars
The staaaaaars
That lie to you... yeah-ah

I'm looking at you through the glass
Don't know how much time has passed
Oh God it feels like forever
But no one ever tells you that forever

Feels like home, sitting all alone inside your head
Cause I'm looking at you through the glass

Don't know how much time has passed
All I know is that it feels like forever
But no one ever tells you that forever

Feels like home, sitting all alone inside your head

And it's the staaaars
The staaaaars
That shine for you.. yeah-ah
And it's the staaaaars
The staaaaaaars

That lie to you... yeah-ah
And it's the staaaaars
The staaaaaars
That shine for you... yeah-ah
And it's the staaaars
The staaaaarsss
That lie to you... yeah-ah yeah

Ohhhoh when the starrs

 
 Stone Sour

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Can't Get you off my Mind



Life is just a lonely highway
I'm out here on the open road
I'm old enough to see behind me
But young enough to feel my soul
I don't wanna lose you baby
And I don't wanna be alone
Don't wanna live my days without you
But for now I've got to be without you

I've got a pocket full of money
And pocket full of keys that have no bounds
But then I think of lovin'
And I just can't get you off of my mind

Babe can't you see
That this is killing me
I don't want to push you baby
And I don't want you to be told
It's just that I can't breathe without you
Feel like I'm gonna lose control

I've got a pocket full of money oh yes I do
And a pocket full of keys that have no bounds
But when it comes to lovin'
I just can't get you off of my mind, yeaaah

Am I a fool to think that there's a little hope
Yeah yeahhhhhheee yeah
Tell me baby, yeah
What are the rules the reasons and the do's and don'ts
Yeah yeahhhhhheee yeah
Tell me baby tell me baby, yeah
What do you feel inside?

I've got a pocket full of money
And a pocket full of keys that have no bounds
Oh yeah
But when it comes down to lovin'
I just can't get you off of my mind, yeah
I just can't get you off of my mind, yeah.

Lenny Kravitz

quinta-feira, 14 de julho de 2011

TPM???



Muitos significados podem ter estas iníciais...
Não estou Mal Disposta!!!
Ou Não estaria...
Se me não tivesse motivos para estar...
Gosto particularmente de algumas Qualidades que não Pedi para Ter mas que "Alguém" resolveu dar-me...
Talvez fique com os sentidos mais apurados em Algumas Alturas do mês...
Pode até Ser...
No Entanto...
Há não inquisição obter Respostas que não pedi...
Não me tranquiliza...
Pelo Contrário....
Todos os Seres Humanos são dotados de Sabedoria...
E Já há algum tempo que deixei de Acreditar que todos Somos Só Bondade e Altruísmo...
Existe muita Coisa de Que Não Gosto...Outras Tolero....
Mas já percorri uma parte do meu "Caminho" e dele retirei algumas Lições....
Talvez....
Talvez...Seja demasiado Rígida com algumas Condutas...
Mas apenas porque elas me Regem...
Quem Me Quiser....
Terá de Lidar com Elas....
E Eu....Não Forço Ninguém a Querer....
"que Tens Para Me dizer...???"
Quem Gosta Cuida....
E Quem Cuida....Requer Cuidado...

Parabéns....

Neste teu dia...
Em que sempre lembras a Queda da "Pastilha"...
Não podia deixar passar sem te dedicar um pequeno texto...
Simbólico...
"Julgo que na altura eras Tu quem eu Idolatrava...
Assim sendo tentava gostar de tudo o que gostavas....
Fiz até esforço, na altura, por ter gostos musicais diversificados...Mas era duro acordar com música Japonesa ao Domingo de manhã quando o que queria eram os meus desenhos animados...Raros e preciosos!
Adorava servir de cobaia para os teus Dotes de Artes Marciais...
E quando não estava a "sofrer" Golpes de Espadas de Samurais...
Ou a ser rapidamente tombada através de um bem elaborado golpe de Judo...
Usava um dos teus patins de 4 rodas para me estender ao comprido após percorrer 50 cm...A casa também não tinha espaço para uma queda maior! lol
Tentava apenas saborear os momentos contigo...
E sentia-me a miúda mais feliz de Portugal e arredores quando de manhã ainda ensonado me pedias que nos preparasse o pequeno almoço enquanto o resto da casa ainda dormia!
Detestava-te quando me fazias ver a 5ª Dimensão!
Aquilo metia-me medo e achava tudo demasiado complexo para a minha compreensão...
Mas de vez em quando fazia-me crescida e ficava contigo a ver esses episódios inquietantes do grande mestre do suspense... 
Tudo para estar contigo....Para ser a tua menina...
Como Gostava de te deixar recados para me ajudares com os trabalhos de casa e acordar com eles já feitos...
Como Adorava passear sentada na Tua Enorme Bicicleta e talvez por causa dessas "Boleias" nunca me tenha disciplinado a Aprender a andar sozinha!
Houve quem tem tivesse bicicletas com rodinhas...
Eu Tinha uma Bicicleta e um Mano Grande! ;)
TU serás Sempre TU!
O Irmão que trago no Coração...
Aquele que para Sempre Idolatrarei...
Aquele que Amo e em quem Reconheço o Amor que para Sempre sei que Terei...
E se por defeito e feitio não nos Aproximamos...É porque a Chama que Temos e Partilhamos é tão intensa que nos Ofuscamos!
Mas Hoje completas mais um Aniversário...Algo que te Aproxima de uma Sabedoria Invejável...;)
E te traz mais um ou outro cabelito Branco...Charme Entenda-se!
Por isso Celebro o Dia em que uma Jovem Mãe trouxe ao Mundo Um Homem Lindo e Determinado (a razar o Obstinado)!
Celebro o Dia em Que Chegaste e na Luz dos Olhos da Tua Mãe te Tornaste!
PARABÉNS MEU AMADO IRMÃO!


domingo, 10 de julho de 2011

Tarde Infantil....




...Como começar...
Acordar não foi fácil...
...Ao que parece partilhar não é uma palavra que seja de senso comum para alguns...
No entanto...Exigir partilha já o é...
Parece fácil dizer...e difícil fazer...
Mas se assim tem sido até aqui nem sei porque reclamo...
A limpeza que já fazia falta foi efectuada com zelo...
Não sei foi se Gostei da "Partilha"...
Afinal "Partilhasse"...
Almoço Típico???
De Típico para mim teve pouco...
O que esperava que me Impressionasse...
Não me Impressionou...Maravilhou-me!!!
De tal Forma que ás tantas dei por mim boquiaberta perante a Beleza...
A Atitude...A Inteligência...
E não foi só o que me Impressionou...
Toda a Situação...
O Acolhimento...
Enfim...A Manhã de repente nem parecia ter Existido...
Releguei a falta de Partilha e entreguei-me à "Correria"...
Fui Criança durante umas Horas...e Mesmo sem Gelado...
Senti toda a Doçura que me estava a ser Ofertada...
Foi Uma Tarde Infantil do Melhor que o meu Domingo me me podia oferecer...
Ah...E lamento se os Dedos Quase entalados acharam engraçado um Sentido que julgava Adormecido...
E sem jantar...que o Almoço foi Muitoooo Bommmmm...
Ainda tive tempo para alguns desabafos sobre "Passados"...
E com poucas horas de sono...Percebi que afinal se pode ter mais alguma noção do Espaço do que se dizia...

domingo, 3 de julho de 2011

It was a Long Week....and yes its True....I Missed You....


Now i lay me down to sleep...

I dream with distant waves that brings to me an Ocean of Questions....

Sleep now you say...

I`ll wake you up when the Time Comes...

Just let me sleep and Dream with Tides that Bring`s...

And while you sing and i fall asleep...

Its your eyes i see on that Rock Over Sea...

sábado, 2 de julho de 2011

Nervoso Miudinho

Tinha de registar...
Como deixar passar a oportunidade de te mostrar que estou atenta quando devo de estar...
Pequenos Actos que deixam revelar mais do que queres...
Mais do que pensas mostrar...
Era tarde e era necessário o Corpo alimentar...
O cansaço...De quê??
Nem metade do dia te consigo contar....
Mas não andei a aprontar!
Até gostava...Mas não posso deixar-me desconcentrar...
E perguntas....Afirmas o que dizes sentir...
E temo acreditar que isso se revele apenas uma "Quote" bonita de dizer...
E gostosa demais de Ouvir...
E quando O Nervoso Miudinho se apodera...
Mais do que dizes se revela...
Para quem nada Espera...
A Ansiedade descontrola o que se Revela...

sábado, 25 de junho de 2011

Spoon

Não me esqueci de te Agradecer...
Não o fiz como devia de ser porque nas Escolhas que fazemos já deixamos antever...
O que Queremos, como Queremos e como o vamos Fazer...
Se Maomé não vai à Montanha....
Porque iria mentir e dizer que tinha tido a necessidade de um qualquer Produto que só ai iria conseguir?
Já lá vai uns tempos...Não havia porquê Mentir...
Quase irracional essa necessidade de Ver...
Uma chamada que precisava de atender...
Pequenas coisas que precisava de te Dizer...
E se o Frio pode perturbar...
Mais ainda o pode fazer um Olhar que não Quer Revelar o que a Boca não pode Dizer...
Ao nível escolar as coisas não estão a Correr como expectava...Ou como deviam de ser...
Se calhar porque não me dedico como devia dedicar...
Ou porque a Mente anda por outros lugares a Vaguear...
....Quase apostava o que já estás a pensar....
Não tem nada a ver....Tão pouco o que descrevo está a influenciar...
Mas...
O Que queria dizer...
....Por Dizer vai ficar...
Repito a mensagem que deixei...A "Farda fica-te bem"...e peço desculpa por não ter reparado na "perda" significativa....Parece que devia Parabenizar....Fica para Outra Altura...Para quando nos Voltarmos a "Cruzar"...

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Noites Mágicas

Noites Mágicas de Prazer....
Noites que muito deixam a Querer...
Tanto tempo a Desejar...
Mente....O Corpo já parece não controlar...
Sentimentos à Solta...
Loucura a Ansiar...
O Cansaço que não pesa em movimentos que não parecemos controlar...
E à medida que o Ritmo dita o que devemos fazer...
Sinto-me Perdida porque assim o deve de ser...
Entre o Mar....A Lua....As Estrelas que antevêem a chegada do Sol...
Fico por ali a sentir o que a Mente me permite...
Porque já não sou "Menina"...e tanto o quis Ser...
Porque Sinto que antes desta Noite Terminar e Sol começar a Raiar...
Já ali não estarei....
Um Outro Rumo irei tomar...
Mas se por um acaso acordo...
E se pareço ali ainda estar...
Temo...
Que por algum tempo queira ficar...
E talvez assim possa permitir-me Sonhar...

domingo, 19 de junho de 2011

Como Descrever...

Por onde começar para falar destas últimas semanas...
Como dizer e explicar o que o Universo me tem vindo Trazer?



As palavras parecem não querer sair...Será este um Tempo de Sentir?
Atordoada que estou de tanto Partilhar...De me "Ausentar" para não Sentir...


O Receio de Ficar...A teimosia de Dizer Não...Quando é em Vão...
A Fuga que sei de antemão...Só me Leva a Querer Ficar...
Hoje...Ficarei...

Não por muito tempo...E os meus Olhos Dizem-te o que procuro não Dizer...
E mesmo no Receio do que amanhã irei Encontrar...Neste momento só quero Aqui Ficar....
Deixo-me Embalar...E o sono leva-me...E hoje...Não Vou Negar...;)


Quem sabe entre todas actividades que nos Oferecem eu consiga a um me dedicar...
E se A Cana Não falhar...Até posso um "Peixinho" apanhar!!

quarta-feira, 15 de junho de 2011

..

....E Nada pode Ficar Igual...Tudo Muda....


O Tempo Suaviza...TUDO!


....Rir...Sorrir e Oferecer Sorrisos....


....Esse dia um "Dia" chegará!



....A angústia da Antecipação!

........

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Any Means Necessary





I won't pull the trigger
Just to see you die
No remedy to make me come alive

I'm ticking like a timebomb,
(Need) no fuse, just guts and gore
(To) initiate the burning of the core

I count down to zero, pull the trigger, no parole
No mercy, have mercy, no mercy on your soul

Kill by any means necessary
Win by any means necessary
Live by any means necessary
Die by any means necessary

I am not judgemental
A sinner nor a saint
Cause either you're my best friend or you ain't
Come gather here around me
feel my breath under your skin
I'm deadly, only when I'm getting caught

Counting down to zero, I'm a soldier without soul
No mercy, have mercy, no mercy on your soul

Kill by any means necessary
Win by any means necessary
Live by any means necessary
Die by any means necessary

I am born to kill - Judge and condemn
I am born to win - Slay and maim 'em
I am born to live - Fight for glory
I am born to die

Kill - Win - Live - Die
Kill by any means necessary
Win by any means necessary
Live by any means necessary
Die by any means necessary

I am born to kill - Judge and condemn
I am born to win - Slay and maim 'em
I am born to live - Fight for glory
I am born to die - Memento mori
I am born to kill - Judge and condemn
I am born to win - Slay and maim 'em
I am born to live - Fight for glory
I am born to die - Memento mori...


HAMMERFALL

domingo, 5 de junho de 2011

One and Only....



You've been on my mind

I grow fonder every day loose myself in time
Just thinking of your face God only knows
Why it's taking me so long to let my doubts go

You're the only one that I want
I don't know why I'm scared, I've been here before
Every feeling every word, I've imagined it all,
You never know if you never tried to forgive your past

And simply be mine

I dare you to let me be all, the one and only
Promise I'm worthy to hold in your arms
So come on and give me the chance
To prove up I'm the one who can

Walk them miles
Until the air starts
... on your mind

You hang on every word I say, lose yourself in time
At the mention of my name, will I ever love
How it feels to hold you close
And have you tell me which ever road I chose you'll go


I don't know why I'm scared, I've been here before
Every feeling every word, I've imagined it all,
You never know if you never tried to forgive your past

And simply be mine

I dare you to let me be all, the one and only
I promise I'm worthy to hold in your arms
So come on and give me the chance

To prove up I'm the one who can
Walk them miles until the air starts

I know it ain't easy
Giving up your heart
I know it ain't easy
Giving up your heart

Nobody's perfect, it ain't easy, trust me I've given up your heart
Nobody's perfect, it ain't easy, trust me I've given up your heart

I know it ain't easy
Giving up your heart
Nobody's perfect, it ain't easy, trust me I've given up your heart
So I dare you to let me be all, the one and only

I promise I'm worthy to hold in your arms
So come on and give me the chance
To prove up I'm the one who can

Walk them miles until the air starts
Come and give me the chance
To prove that I'm the one who can

Walk them miles until the air starts.

"Acreditando ou não Todos temos 2 Lados...
Todos somos Bom e Mau...
E Ainda que nem todos tenhamos Duas Caras...Todos somos Capazes do "Sim" e do "Não"...Alguns de nós só não fazem fazer essa Opção.."

sexta-feira, 3 de junho de 2011

...Não são elogios...Não!!



....Sou quem Sou...
Isso não vou negar...
E o "Drama" ainda vai levar um tempo para "Desdramatizar"...
Quero lembrar para não esquecer...o que foi Dito e o que ficou por dizer...
Quis escutar...Mas não queria Ouvir....
Um Rumo que é complicado de Explicar...Um Viagem que é Dura de Sentir...
....E Saudades, todos podemos sentir...Mas nem tudo está "Perto" para as apaziaguar...
Quando O Maior Medo já deixou de existir...A Resposta fica dada para a pergunta que nem foi Pensada... E no Ar essa linha de pensamento que faz o Olhar Viajar...
E é esse jeitinho de perguntar que me enternece e me leva a sorrir sem querer...
A deixar-me "tocar"...Para logo me Recordar a postura a tomar...
Não sou de Lutas...Nem Gosto de Lutar....
Sou contra injustiças, isso podem dizer....
Principalmente quando tocam ao leve "alguém" que posso de imediato ajudar...
Sou movida por algo que sei já foi percebido...
E gosto...Gosto de sentir o Coração disparar quando sei que a Razão do meu lado irá ficar...
Tento não prejudicar, para prejudicada não ser...
E ás vezes é meio difícil controlar um Lado mais impetuoso....Mas não sou de Guerras e tão pouco as Quero Travar...
Não sou Lutas como se costuma dizer....Porque acredito que a Palavra tudo pode Vencer...
Sou pelos "meus" e pelo que por eles posso fazer...
E...Sei...Tento pelo menos...Separar o que em cada lado deve de estar...
Se para "Bom entendedor meia palavra Basta" eu nem vou tentar explicar o se passou pela minha cabeça...Naquele lugar...
E digo! Afirmo! E depois de um Olhar...volto a REAFIRMAR...Como é possível negar?
E tanta confiança nesse Futuro que teima em chegar...
Viro costas porque é preciso Ir....Mas Queria....Quero...Ficar!!

"cuando y como darte...."

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Tá tudo Bem...



Chegou e me levou como uma onda
Mudou e conquistou meu coração
Não consigo esquecer, aquele beijo na beira do mar,não
Sem o teu calor eu fico tonta
Não consigo suportar a solidão
Sou jardim sem flor, lua sem amor, não tem graça não
Esquece o que ficou pra trás
Deixa o que passou pra lá e vem, correndo pros meus braços
Falar de amor é fácil, difícil é enganar o coração
Liga pra mim, diga que vem
Faz um carinho, sou seu neném
Fala baixinho, no meu ouvidinho, tá tudo bem, tá tudo bem

Liga pra mim, diga que vem
Faz um carinho, sou seu neném
Fala baixinho, no meu ouvidinho, tá tudo bem, tá tudo bem
Chegou e me levou como uma onda
Mudou e conquistou meu coração

Não consigo esquecer, aquele beijo na beira do mar,não
Sem o teu calor eu fico tonta
Não consigo suportar a solidão
Sou jardim sem flor, lua sem amor, não tem graça não
Esquece o que ficou pra trás

Deixa o que passou pra lá e vem, correndo pros meus braços
Falar de amor é fácil, difícil é enganar o coração
Liga pra mim, diga que vem
Faz um carinho, sou seu neném
Fala baixinho, no meu ouvidinho, tá tudo bem, tá tudo bem
Liga pra mim, diga que vem
Faz um carinho, sou seu neném
Fala baixinho, no meu ouvidinho, tá tudo bem, tá tudo bem

IVETE SANGALO

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Fácil de Entender

Facil de Entender



Talvez por não saber falar de cor, imaginei
Talvez por saber o que não será melhor, aproximei
Meu corpo é o teu corpo, o desejo entregue a nós...
Sei lá eu o que queres dizer.
Despedir-me de ti, "Adeus, um dia, voltarei a ser feliz."
Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor não sei o que é sentir.
Se por falar, falei, pensei que se falasse era fácil de entender.
Talvez por não saber falar de cor, imaginei.
Triste é o virar de costas, o último adeus sabe Deus o que quero dizer.
Obrigado por saberes cuidar de mim, tratar de mim, olhar para mim...
Escutar quem sou e se ao menos tudo fosse igual a ti...
Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor não sei o que é sentir.
Se por falar, falei, pensei que se falasse era fácil de entender.
Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor não sei o que é sentir.
Se por falar, falei, pensei que se falasse era fácil de entender.
É o amor que chega ao fim.
Um final assim, assim é mais fácil de entender...
Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor não sei o que é sentir.
Se por falar, falei, pensei que se falasse é mais fácil de entender.
Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor não sei o que é sentir.
Se por falar, falei, pensei que se falasse era fácil de entender.


The GIFT

terça-feira, 24 de maio de 2011

Amiticia


Apenas a lembrar...Apenas para Registar...
Num "bloco de recados" já tão usado...
Num Paínel já tão vivido...
Não Registo só o que é mau...
E o enternecimento da Atitude...
O Agradecimento que nem sei bem como fazer...
Apenas te posso dizer...


....Registei.....E sei que registo muita coisa...Tantas vezes apenas o Mau...
....Mas aquele gesto...Ficará...
E faltam-me as palavras que parecem dimínutas...
Inspiro em busca de uma ou outra que possam significar o que só quero sentir... :)

sábado, 21 de maio de 2011

Too Fast..

Demasiado Rápido?
Demasiado?
Não sei o que te posso dizer quando queres que torça para que a ausência seja grata...
E tento não te olhar...
Enquanto maravilhada observo o que o Ferro pode fazer...
E nem o gelado...nem a gelatina me fazem sentir o Doce que fazes questão de me dizer que em qualquer altura posso deixar de ter...
A escolha será feita quando assim o tiver de ser...
Até esse dia chegar...
To Fast...
...And trying not to be Furious!

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Overcome



Don’t cry victim to me (...Ah não...Eu não A Vitíma....Sou o Carrasco)
Everything we are and used to be
is buried and gone (Alguém enterrou...)
Now it’s my turn to speak (Por agora acho que o melhor mesmo é Calar....Acho que Falei de Mais...)
It’s my turn to expose and release
What’s been killing me (Não me Matou nem me vai matar...o que é Bom hei-de acabar por encontrar!)
I’ll be damned fighting you
You're impossible, Impossible (Mas já estou cansada de Lutar...e quando EU fico cansada mais ninguém Luta!)
Say goodbye...With no sympathy (Isso sem dúvida Fizeste!)

I’m entitled to overcome
Completely stunned, I´m numb (sou muito Tonta sim...Mas também não quero deixar de Ser...Sou quem Sou...AMO, Gosto, e Grito a Pelos Pulmões que o meu CORAÇÃO há-de ainda mais crescer!)
Knock me down, throw me to the floor (ai estarei por uns momentos...Mas levanto-me, sacudo-me e continuo...)
There’s no pain, I can feel no more (Sinto-a...Não vou mentir, mas vai acabar por passar...)
I’m entitled to overcome...Overcome

Finally see what’s beneath (Não há nada para ver....Alguém não Sabe Mostrar...e quando se Diz Sofrer é a Magoar!!!)
Everything I am and hope to be (Hei-de Ser ainda MELHOR!)
Cannot be lost
I’ll be damned fighting you

You´re impossible, Impossible
Say goodbye... With no sympathy

I’m entitled to overcome
Completely stunned, I´m numb
Knock me down, throw me to the floor
There’s no pain, I can feel no more
I’m entitled to overcome...
Overcome, Overcome

You’ll never know what I was thinking before you came ‘round (Sabias...Afinal havias-me Excluído!)
Take a step, take a breath, put your guard down (Não vou Levantar Defesas, não porquê as levantar!)
I cannot worry anymore of what you think of me (Isso de facto já não posso e não quero...Afinal faça eu que fizer serei Sempre Má!)
I may be crazy, but I’m buried in your memory (A Memória cada um tem a que Quer...)

I’m entitled to overcome, completely stunned i´m numb
knock me down throw me to the floor, there’s no pain i can’t feel no more

I’m entitled to overcome...Overcome!

(lololol Rascunho de 20/05/2011...Premonição lolol)

CREED

sábado, 14 de maio de 2011

Sem Limites ou Vã tentativa de "Derrubar" Árvores...

"..."Sem Limites"??? =p Vã tentativa de derrubar árvores com o "Pensamento"?? lolol gostei.....Muuuuuuuuuiiiittttooooo! ;)"

Foi assim que assinalei algo que merece ser recordado...
...Nada mudou e no entanto...
A Falta de "Espaço" de que me falaram surge...
Não Real...
Não Palpável...
Tão somente a ausência de vontade que haja "Espaço"...
Não meço a saudade...
Não a Penso...
Mas ao tocar...
Ao Sentir...
É como se de repente séculos tivessem passado até ao reencontro Esperado...
Sou tomada por uma leveza que apenas encontro uma forma de Exprimir....
...Sinto...Sem pensar, por opção...
Controlo...
Total Ausência de Racionalidade...
...E se a "Árvore" não Tombar....A rima deixa de ser necessária por ser demasiado evidente...
A frase que fica na curva...E leva o cenário a contemplar, não é suficiente para contigo não Sonhar...


"Carl Van Loon: Your powers are a gift from God or whoever the hell wrote your life script. "


A Grandeza de um Povo pode até ser medida pelas suas Posses...Mas tens a certeza que é por aí que a Vais medir...??? Deixo-te a pergunta no ar...Quem Comanda....Quem se deixa Comandar?? ;)

domingo, 8 de maio de 2011

...Calcanhar...

Acordo sem vontade...
Estou cansada...quero dormir...
Estava a sonhar...Quero Voltar...
Mas valores mais altos se levantam e uma promessa por cumprir...
Almoço refastelada e que bela refeição me é dada...
Este dia é um prenúncio de que o Amor se fez estrada...
Rapidamente me despacho que existem agenda atarefada...
Como aqui?? Como agora??
Se ainda agora em Ti pensava...
Que resposta Rápida o Universo me deu...
Que Estrada...
Encosto no Passeio dessa artéria....
E não consigo...
Salto de Alegria pela vista que me é dada...
Resposta ansiada...
Não era aqui que te encontrava...
Quebro a ida que já não se faz...
E fico de conversa...
Finalmente....
Aquela que esclarece o que já não é só uma hipótese mas uma Estrada...
E mesmo com Tucanos que cantam...
Consigo dizer que hoje não vou poder ver a película combinada...
Não dá...
Tento mas estou enleada...
Podia seguir...Fecha a porta e deixa-me ir...
Se ambo não queremos...Livra porque o estamos a sentir...
Já meio culpada...
Porque o sentido que me entorpece só me faz fazer "asneirada"...
Se é Tão Errado...E a essa conclusão é hora chegada...
Porque o sinto tão certo....Tão perto...Tão dentro...Tão próximo...
Porque Quero...Desejo...Anseio...
Nem vale a pena dizermos que não vamos continuar..
Já nem nós em Nós conseguimos acreditar...
Seremos um Calcanhar de Aquiles tocado e dorido?
Aquele que está ali a chatear mas que queremos suportar?
Seremos apenas pólos Cansados atraídos até chocar?
...Quanto pode um Calcanhar suportar?

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Está...Está...

Prefería não entender...
Até fingir que não quero saber...
Mas estou assim como o Tempo...
Estou...Estou...
Não estou nem para aí virada que hoje é dia de Francezada...
Estou...Estou...
E no decorrer do dia...
Sou brindada com o um almoço inesperado...
Uma Oferta Generosa...
Frases e ditos que semeiam o meu Ser sequioso desse Saber...
E respiro...
Tento perceber que Aquela semente tem de Crescer...
Que tenho de Parár de fugir...
Respiro de novo...
Hora de Sair...
Um Teste...Uma Prova...
Mais uma superada...
Não quero saber...Não quero saber de Nada!
Estou aqui sim...Até eu estou espantada...
E olho o Mar que me brinda com o seu Olhar...
Vou para a Noite com a Esperança renovada...
E Faço-me à estrada já cansada...